A estranha razão pela qual você adora montanhas-russas

O verão é praticamente sinônimo de montanhas-russas, jogos de carnaval e bolo de funil. A maioria de nós tem boas lembranças dos parques de diversões da infância, e muitos de nós ainda fazem viagens regulares para lá quando adultos. (Sim, mesmo aqueles de nós que não têm filhos!)

Ontem, um artigo divertido no Boston Globe analisou precisamente por que amamos tanto esses parques Muito de. É mais complicado do que se possa imaginar e tem tanto a ver com marketing inteligente e ciência do cérebro quanto com passeios emocionantes e junk food. "O parque de diversões moderno é, sob o flash e o caos, uma máquina psicológica cuidadosamente ajustada", afirma o artigo.

Aqui estão algumas maneiras pelas quais nossos cérebros podem ser "sequestrados" por parques de diversões, de acordo com especialistas em design, psicólogos e historiadores, e o que você pode esperar ao visitar alguém nesta temporada.

1. Os passeios assustadores (mas seguros) nos fazem sentir vivos. Não é nenhuma surpresa para ninguém que já caiu para a morte na Torre do Terror do Disney World ou gritou durante um passeio no ciclone frágil de Coney Island (sério, essa coisa parece que pode quebrar a qualquer segundo): Aterrorizante experiências podem nos deixar bastante eufóricos quando estamos de volta ao solo firme. E gostamos ainda mais dessas experiências, dizem os especialistas, quando estamos dentro de uma "estrutura protetora" que nos garante que, no fundo, ainda estamos seguros.

2. O amor está no ar. Os parques de diversões são um ótimo lugar para namorar, e não apenas porque você pode agarrar a mão dele nas atrações assustadoras mencionadas anteriormente (embora isso seja certamente uma vantagem). A antropóloga Helen Fisher diz que as pessoas tendem a se sentir atraídas umas pelas outras quando eles estão em situações "novas e emocionantes", como nas férias ou enquanto caminham por um mundo de fantasia (literalmente). Use isso a seu favor, garotas, mas certifique-se de que seu romance induzido por parque de diversões também se mantenha em situações da vida real.

RELACIONADO: 14 atividades de verão imperdíveis

3. Não é por acaso que você "quase" ganhou aquele urso de pelúcia gigante. Os jogos clássicos de carnaval são projetados para capitalizar o que os cientistas chamam de "efeito quase-acidente": é fácil chegar muito perto de seu objetivo ou melhorar progressivamente, então você continua gastando dinheiro pensando que vai conseguir a próxima vez. Alerta de spoiler: eles são muito mais difíceis do que parecem. Por favor, divirta-se, mas não seja vítima desse truque mental comum.

4. As longas filas nos fazem apreciar mais os passeios. Eles são indiscutivelmente a pior parte dos parques de diversões nos dias quentes de verão, mas pesquisas sugerem que esperar na fila nos faz apreciar o resultado mais do que se simplesmente tivéssemos caminhado pode apostar. E não precisa ser miserável: concentre-se no número de pessoas na fila atrás de você (em vez de no número à sua frente), sugere um estudo de 2010, para evitar que seu entusiasmo diminua.

5. Grandes multidões nos incentivam a comer porco. Não é apenas o cheiro incrível que sai do carrinho de algodão doce que nos torna tão propensos a fazer alarde em pratos nada saudáveis ​​de parque temático. A pesquisa sugere que estar cercado por estranhos (por exemplo, multidões gigantes no parque) nos faz sentir anônimos, menos responsáveis ​​por nossas ações e mais propensos a nos entregar a comportamentos que não teríamos de outra forma. Não estamos dizendo que você não deva comer um pouco de massa frita de vez em quando, mas talvez manter esse detalhe em mente possa ajudá-lo a não se deixar levar pela farra. Afinal, o verão não é apenas a temporada dos parques de diversões - é a temporada dos biquínis também.

  • Por Amanda MacMillan

Comentários (2)

*Estes comentários foram gerados por este site.

  • radija krieger krieger
    radija krieger krieger

    Sempre gostei

  • tomás pivatto kandt
    tomás pivatto kandt

    Muito bom produto

Deixe o seu comentário

Ótimo! Agradecemos você por dedicar parte do seu tempo para nos deixar um comentário.